Clareamento dental: 5 dúvidas comuns sobre o procedimento

Mesmo com uma rotina perfeita de higiene e visitas regulares ao dentista, os nossos dentes podem amarelar. Isso acontece pelo passar do tempo e também pela ação de alimentos e bebidas que alteram a coloração dessas estruturas. O clareamento dental é uma ótima opção para devolver aos dentes beleza estética e aquele sorriso perfeito. Porém a técnica é cercada de medos e incertezas.

Foi pensando nisso que separamos as 5 dúvidas comuns sobre o clareamento dental para você aproveitar este procedimento e renovar o seu sorriso!

5 dúvidas comuns sobre clareamento dental  

1 – Alguns alimentos devem ser evitados durante o tratamento de clareamento dental?

Alimentos e bebidas que possuem forte coloração, como beterraba, chocolate, café, refrigerantes, vinhos tintos e outros itens que tenham adição de corante em seus ingredientes podem prejudicar o clareamento dental. Isso acontece porque durante o tratamento os poros dos dentes ficam abertos e, consequentemente, mais suscetíveis à manchas causadas por essas substâncias. Bebidas alcoólicas e o hábito de fumar também podem comprometer o sucesso do clareamento.

2 – O clareamento deixa os dentes mais sensíveis?

A sensibilidade nos dentes é um problema bem incômodo e acontece quando há o desgaste do esmalte que protege essas estruturas. Muita gente acredita que o clareamento dental pode deixar os dentes ainda mais sensíveis, mas isso não é totalmente verdade. Claro que cada caso é um caso, mas normalmente o procedimento não causa o problema. Alguns pacientes como os que já apresentam alterações como retração gengival, por exemplo, podem sofrer com a sensibilidade durante o tratamento de clareamento dental. Porém basta informar ao Dentista para que a melhor terapia seja aplicada.

3 – O clareamento dental estraga o esmalte dos dentes?

De forma alguma o clareamento dental estraga o esmalte dos dentes. Este é só um mito que envolve a técnica. Os produtos usados e a tecnologia empregada no clareamento dental são seguras e garantem que apenas o pigmento escuro do dente seja removido. O procedimento melhora a estética dos dentes sem causar nenhum dano a sua estrutura.

4 – Qual método é o mais eficaz?

Existem duas técnicas de clareamento dental: o laser e o caseiro. O primeiro é aquele feito diretamente no consultório do Cirurgião Dentista. O clareamento a laser tem o poder de deixar os dentes mais brancos em menor tempo e é o procedimento ideal para quem precisa de um resultado rápido.

Já o clareamento caseiro é aquele em que o tratamento é feito pelo paciente na sua residência. Normalmente ele usa o produto clareador em um aparelho com o molde dos dentes. O clareamento dental acontece durante a noite e é bem mais longo que o laser. Podemos em alguns casos, realizar a técnica mista clareamento a laser e caseiro ao mesmo tempo.

5 – Todo mundo pode fazer clareamento dental?

Infelizmente nem todo mundo pode fazer clareamento dental. Pacientes que sofrem de sensibilidade dentária, irritação gengival severa e possuem grandes restaurações nos dentes não estão aptos a passar pelo procedimento. A técnica também é contraindicada para gestantes e lactantes, fumantes e pessoas com condições pré-cancerígenas.

Ficou com mais alguma dúvida sobre o procedimento? Pergunta para gente nos comentários ou entre em contato. Ter um sorriso bonito não é só questão de estética, é também saúde e bem-estar!

Conte com  a Clicenter Assistência Odontológica para cuidar do seu sorriso e da sua autoestima. Atuamos há mais de 35 anos oferecendo serviços de qualidade na área da odontologia para Belo Horizonte e região. Entre em contato e marque a sua consulta:

Telefone

(31) 3271- 2188

(31) 99687-9946

Endereço

Rua Carijós, 150 – 2º andar

Centro – BH/MG

2 comentários em “Clareamento dental: 5 dúvidas comuns sobre o procedimento”

Deixe um comentário